Dicas e notícias
Tem reajuste no piso nacional do salário de Jovem Aprendiz em 2021

Tem reajuste no piso nacional do salário de Jovem Aprendiz em 2021

25/01/2021

O ano se inicia com a edição da MP 1.021/2020 alterando o valor do salário mínimo 2021, o que, por consequência, também reajusta o salário do jovem aprendiz, seguindo a proporcionalidade da jornada de trabalho semanal.

No Brasil, o salário de jovem aprendiz é regulamentado pela CLT em conjunto com a Lei Nº 10.097, de 19 de dezembro de 2000.

O jovem em contrato de aprendizagem tem assegurados vários benefícios que vão desde o salário de aprendiz mensal normal, até o direito à férias, rescisão de contrato de trabalho e décimo terceiro salário.

Desta forma, tendo como base o valor de R$ 5 a hora, a tabela demonstrativa do salário do jovem aprendiz atualizada, fica da seguinte maneira:

  • 20 horas semanais: R$ 516,66
  • 24 horas semanais: R$ 619,99
  • 30 horas semanais: R$ 774,99
  • 36 horas semanais: R$ 929,99
  • 40 horas semanais: R$ 1.033,32
  • Piso 2021: R$ 1.100,00

É importante lembrar que, em estados onde o piso seja calculado de forma regional, as leis estaduais devem ser observadas.

Qual é a finalidade do programa de Jovem Aprendiz?

O programa de Jovem Aprendiz tem como principal pilar a qualificação profissional e inserção de jovens com idades entre 14 e 24 anos (e pessoas com deficiência sem limite de idade) no mercado de trabalho.

Sua finalidade é criar oportunidades para os jovens serem inseridos no mercado de trabalho e para as empresas terem mão-de-obra qualificada.

A aprendizagem como uma ferramenta de mudança

Uma das principais maneiras de transformar a vida de um jovem é dando incentivo e investindo em seu desenvolvimento profissional.

Por isso, nós do Coletivo Aprendiz, acreditamos no programa de aprendizagem e na geração de oportunidades como uma forma de mudar efetivamente a vida de um jovem.


Fonte:
Comunicação Coletivo Aprendiz